Alvarinhos    Douro (brancos)
Muros de Melgaço Quinta Sairrão
Deu la deu Planalto
Planalto (1/2)
   Verdes (brancos)
Cambra Reno    Douro (tintos)
Cambra Prestigio Esteva (1/2)
Quinta da Aveleda Esteva
Quinta da Companhia Quinta Sairrão
Muralhas Quinta da Pacheca
Do Arco da Velha Duas Quintas
Quinta do Vale d'Arca Quinta do Cotto
Quinta Sairrão (grande escolha)
   Verdes (tintos)
Cambra Reno    Outras Regiões (tintos)
Cambra Prestigio Grão Vasco
Do Arco da Velha Baga Primavera
Quinta do Vale d'Arca Quinta de Cabriz (colheita seleccionada)
Penalva Milénio)
   Alentejo (brancos) Casa de Santar (reserva)
Monte Velho Quinta da Bacalhoa
Marquês de Borba
Esporão (reserva) Champanhes e espumantes
Quinta do Carmo São Domingos (meio seco)
Marquês de Marialva (meio seco)
   Alentejo (tintos) Marquês de Marialva (bruto)
Monte das Oliveiras Marquês de marialva (tinto)
Vila Romano Asti Gância
Monte Velho Aliança (tinto)
Chaminé Quinta das Bageiras (bruto)
Porta de Sta. Catarina Quinta das Bageiras (tinto)
Marquês de Borba Murganheira (doce)
Couteiro Mor Murganheira (meio seco)
Monte dos Cabaços Murganheira (bruto)
Esporão (reserva) Murganheira reserva (bruto/tinto)
Dolium (reserva) Murganheira Super Reserva (bruto)
Cartuxa (colheita) Murganheira Vintage
Mouchão Moêt et Chandon
       
Em termos gastronómicos, há muito que se estabeleceram algumas regras, por todos sobejamente conhecidas, que nos ditavam que um prato de peixe deverá ser servido com vinho branco, que os mariscos pedem vinhos verdes ou brancos acídulos, que as carnes se fazem acompanhar por vinhos tintos e que com as sobremesas se deverão servir vinhos licorosos ou espumantes mais ou menos doces.